Informacões básicas sobre Eletrecidade

1-    O que são elétrons e como são encontrados na natureza?

É uma partícula subatômica que circunda o núcleo atômico, subatómica e de carga negativa, é o responsável pela criação de campos magnéticos e eléctricos.

Os elétrons apresentam uma carga elétrica muito pequena e seu movimento gera corrente elétrica.

Podemos encontrar nos elementos químicos, tais como os da tabela periódica.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/El%C3%A9tron

2-    Defina:

a) Materiais condutores;

Bons condutores são, na grande maioria, da família dos metais: ouroprataalumínio, assim como alguns novos materiais, de propriedades físicas alteradas, que conduzem energia com perda mínima, denominadossupercondutores.
b) Materiais isolantes;

porcelana, o plástico, o vidro e a borracha são bons isolantes. Isolantes são materiais que não permitem o fluxo da eletricidade.
c) Materiais Semicondutores ou dielétricos

Um dielétrico (AO 1945: dieléctrico), ou isolante elétrico, é uma substância que possui alta resistência ao fluxo da corrente elétrica.

Semicondutores são sólidos cristalinos de condutividade elétrica intermediária entre condutoresisolantes. Os elementos semicondutores podem ser tratados quimicamente para transmitir e controlar uma corrente elétrica.

Fonte:   http://pt.wikipedia.org/wiki/Semicondutor

http://pt.wikipedia.org/wiki/Diel%C3%A9trico

http://www.labeletronica.com/eletronica-para-informatica/parte-2–corrente-tensao-resistencia-potencia-e-frequeencia

3-    Explique como pode ser gerada energia Elétrica?

A geração de eletricidade é o primeiro processo na entrega da eletricidade aos consumidores. Outros três processos são transmissão de energia elétrica , distribuição da eletricidade e a venda da eletricidade .

As turbinas girando unidas aos geradores elétricos produzem a eletricidade. As turbinas podem ser movidas usando o vapor, a água, o vento ou outros líquidos como um portador de energia intermediário. As fontes de energia mais comuns são as térmicas, combustíveis fosseis, reatores nucleares, para a gerarção de vapor, e da energia potencial gravitacional das barragens das usinas hidroelétricas. As pilhas produzem a eletricidade pelas reações de óxido-redução com uma variedade de produtos químicos.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Gera%C3%A7%C3%A3o_de_eletricidade

4-    Como ela chega as residências?

A rede de distribuição de energia elétrica é um segmento do sistema elétrico, composto pelas redes elétricas primárias ( redes de distribuição de média tensão), e redes secundárias ( redes de distribuição de baixa tensão) , cuja construção, manutenção e operação é responsabilidade das companhias distribuidoras de eletricidade.

Nas redes de distribuição primárias, estão instalados os transformadores de distribuição, fixados em postes, cuja função é rebaixar o nível de tensão primário para o nível de tensão secundário( por exemplo,para rebaixar de 13,8 KV para 220 volts )

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Energia_el%C3%A9trica

5-    O que é um circuito elétrico e quais seus componentes?

Um circuito elétrico é a ligação de elementos elétricos, tais como resistoresindutorescapacitoresdiodoslinhas de transmissãofontes de tensão,fontes de correnteinterruptores, de modo que formem pelo menos um caminho fechado para a corrente elétrica.

Uma série de leis se aplicam à circuitos elétricos. Entre elas:

  • Leis de Kirchhoff
    • Lei das Correntes ou Lei dos Nós: A soma de todas as correntes que entram num nó é igual à soma de todas as correntes que saem do nó.
    • Lei das Tensões ou Lei das Malhas: A soma de todas as tensões geradas menos a soma de todas as tensões consumidas numa malha é igual a zero.
  • Lei de Ohm: A tensão entre as duas pontas de um resistor é igual ao produto da resistência e a corrente que flui através do mesmo.
  • Teorema de Thévenin: Qualquer circuito elétrico formado por fontes de tensão, fontes de correntes e resistores com dois terminais possui um circuito equivalente formado por uma fonte de tensão em série com um resistor.
  • Teorema de Norton: Qualquer circuito elétrico formado por fontes de tensão, fontes de correntes e resistores com dois terminais possui um circuito equivalente formado por uma fonte de corrente em paralelo com um resistor.

Existe também um circuito simples,é composto de três elementos, um condutor ou rota(fio elétrico),uma fonte de energia(bateria),e um resistor elétrico(lâmpada),que é qualquer objeto que precise de eletricidade para funcionar.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Circuito_el%C3%A9trico

6-    Fala sobre tensão, corrente, resistência, potencia e frequência

Tensão Elétrica, também chamada por Voltagem ou diferença de potencial elétrico pode ser entendida como uma espécie de força que faz com que circule a corrente elétrica através de um condutor e a sua unidade de medida é o Volt (V), seus submultiplos como o microvolt (uV) e o milivolt (mV) e seus múltiplos como o quilovolt (kV).  Essa “força” é gerada através da diferença de potencial elétrico.  Quando um condutor liga um ponto que tem um potencial elétrico baixo a um ponto que tem um potencial elétrico mais alto, uma corrente elétrica passa pelo condutor.

A corrente, a tensão e a resistência elétrica estão relacionadas entre si.

Tensão é igual ao Valor da resistência multiplicado pelo valor da corrente

Resistência é igual ao valor da tensão dividido pelo valor da corrente

Corrente é igual ao valor da tensão dividido pelo valor da resistência.

Potência Elétrica pode ser entendida como o trabalho realizado pela corrente elétrica. A unidade usada para medir potência é o Watts (W).

Os múltiplos do Watt também são comumente usados.  Assim temos o quilowatt (KW) que é correspondente a 1000W e o Megawatt ( MW) que corresponde a 1.000.000W.

Potência é igual ao valor da Tensão multiplicada pela Corrente.

A oposição que os materiais oferecem a passagem da corrente elétrica é chamada de Resistividade ou Resistência Elétrica.  Então podemos dizer que os materiais condutores têm baixa resistência elétrica e o isolante tem alta resistência elétrica.

Além disso, a resistência dos condutores depende de alguns fatores:

  • A resistência aumenta conforme o aumento do comprimento.
  • A resistência diminui com o aumento da espessura.
  • A resistência  depende o material do qual ele é feito.
  • A resistência do condutor depende da temperatura.

Fonte:     http://www.labeletronica.com/eletronica-para-informatica/parte-2–corrente-tensao-resistencia-potencia-e-frequeencia

http://www.labeletronica.com/eletronica-para-informatica/parte–corrente-tensao-resistencia-potencia-e-frequencia

http://www.labeletronica.com/eletronica-para-informatica/parte-3–corrente-tensao-resistencia-potencia-e-frequencia

7-    Faça as seguintes transformações :
a) 0,23 mA=0,00023 A
b) 65,3 kA=6.530.000 mA
c) 1A=0,000.000.1 µA
d)2,35µA=0,00235 Ma

8-    O que é força eletromotriz?

É a propriedade de um dispositivo, que tende a produzir corrente elétrica num circuito.

A força eletromotriz é o trabalho por unidade de carga que um força não-eletrostática realiza quando uma carga é transportada de um ponto a outro por um particular trajeto; isto é, a força eletromotriz, contrariamente da DDP, depende do caminho. Por exemplo, a força eletromotriz em uma pilha ou bateria somente existe entre dois pontos conectados por um caminho interno a essas fontes.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/For%C3%A7a_eletromotriz

9-    Fale sobre a lei de Ohm.

Lei de Ohm, assim designada em homenagem ao seu formulador Georg Simon Ohm, indica que a diferença de potencial (V) entre dois pontos de umcondutor é proporcional à corrente elétrica (I).

Quando essa lei é verdadeira num determinado resistor,este denomina-se resistor ôhmico ou linear.A resistência de um dispositivo condutor é dada pela fómula

onde:

V é a diferença de potencial elétrico (ou tensão, ou ddp) medida em Volts

R é a resistência elétrica do circuito medida em Ohms

I é a intensidade da corrente elétrica medida em Ampères

10- O que é Resistência Elétrica?

Resistência elétrica é a capacidade de um corpo qualquer se opor à passagem de corrente elétrica pelo mesmo, quando existe uma diferença de potencialaplicada. Seu cálculo é dado pela Lei de Ohm, e, segundo o Sistema Internacional de Unidades (SI), é medida em ohms.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Resist%C3%AAncia_el%C3%A9trica

Trabalho de Pesquisa – Referência para Hotel

segue o link para arquivo de pesquisa de hotel – trabalho da rose

http://issuu.com/biloideias/docs/trabalho_hotel_rose

Marcio Kogan

Com um olhar criterioso para os detalhes, Marcio Kogan lidera uma geração que traz um novo conceito de arquitetura para o Brasil. Com obras emocionantes, trabalha maravilhosamente bem as texturas dos materiais, criando espaços onde cada detalhe leva a perfeição.

Architect Day: Marcio Kogan

Fotos via marciokogan.com.

Marcio Kogan nasceu em São Paulo e graduou-se em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Mackenzie em 1976. Uma das grandes paixões de Kogan é o cinema. Fã de Ingmar Bergman e Federico Fellini, estudou e atuou como cineasta até seus 30 anos, o que se tornou uma grande influência para sua arquitetura.

A sensibilidade que tem ao projetar seus espaços é chocante. Com um cuidado milimétrico em todos aspectos dos espaços, Marcio Kogan tem em suas obras uma harmonia e equilibrios perfeitos, aonde cada perspectiva, cada olhar, possa ser apreciada uma arquitetura rica em detalhes. E cada detalhe parece ser minuciosamente trabalhado, tornando-se em um trabalho impecável.

Casa Paraty, Rio de Janeiro, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

A busca por parcerias sólidas com grandes arquitetos, faz com que suas obras tenham uma visão única e o mesmo esmero de todos profissionais envolvidos. Em suas casas os projetos de interiores, são concebidos com a mesma particularidade e detalhismo do restante do trabalho.

Ganhou muitos prêmios para diversos de seus projetos e assim como Isay Weinfeld, tem hoje um dos melhores escritórios de arquitetura do Brasil. E como podemos ver no seu portfolio, sua carreira será cada vez mais reconhecida e admirada, o certo é que hoje suas obras já são uma grande inspiração para muitos.

Casa 53, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Museu de Microbiologia, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Arnaldo Pappalardo

Architect Day: Marcio Kogan
Arnaldo Pappalardo

Casa Concreta, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Casa do Flamboyant, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Reinaldo Coser

Architect Day: Marcio Kogan
Reinaldo Coser

Casa LC, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Bar Plug, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Pedro Vannucchi

Architect Day: Marcio Kogan
Pedro Vannucchi

Casa 16H1403, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Architect Day: Marcio Kogan
Romulo Fialdini

Casa do Quinta, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Hotel Fasano, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Álvaro Póvoa

Architect Day: Marcio Kogan
Álvaro Póvoa

Casa Gama Issa, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Arnaldo Pappalardo

Architect Day: Marcio Kogan
Arnaldo Pappalardo

Architect Day: Marcio Kogan
Arnaldo Pappalardo

Casa Pacaembu, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Casa Mirindibas, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Casa Osler, Brasilia, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Pedro Vannucchi

Architect Day: Marcio Kogan
Pedro Vannucchi

Architect Day: Marcio Kogan
Pedro Vannucchi

Casa Panamá, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Casa das Chaminés, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Reinaldo Coser

Architect Day: Marcio Kogan
Reinaldo Coser

Casa Corten, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Casa BR, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Micasa Volume B, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Prime Time, São Paulo, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Architect Day: Marcio Kogan
Nelson Kon

Casa du Plessis, Rio de Janeiro, Brasil

Architect Day: Marcio Kogan
Arnaldo Pappalardo

Architect Day: Marcio Kogan
Arnaldo Pappalardo

Architect Day: Marcio Kogan

Fonte:

http://abduzeedo.com.br/dia-do-arquiteto-marcio-kogan

www.big.dk

http://www.big.dk – Pesquisa sobre apresentação de Projetos.
Site de arquitetura, com grandes obras,De projetos conceitos, utopias e grande demonstração do uso da tecnologia construtiva.

Um dos principais interesses do site é mostrar as possibilidades da arquitetura moderna,

Fazendo um grande uso dos melhores softwares para projetos arquitetônicos.

O site deixa claro, desde sua ilustração dos ícones de acesso aos projetos,

Até os detalhamentos e explicação deles; “aqui a função segue a forma”.

E é através deste pensamento que sigo comentando sobre um dos projetos
e sua forma de apresentação pós-moderna, priorizando o sensitivo.

Antes falemos sobre a apresentação.No site big.dk a primeira impressão é o que fica

E neste quesito, eles tem razão,

Ao apresentar a idéia em toda a sua grandeza já se impõe sobre o observador, que fica na expectativa apenas de saber como se fez.

Na maioria dos projetos, sempre se abre a apresentação com a melhor imagem do projeto

(que neste caso não é muito difícil)

“A cada bela impressão que causamos, conquistamos um inimigo.”

Oscar Wilde

O edifício Ren é uma proposta para um hotel, como fonte de público principal, o esporte e as conferências para a “Melhor Cidade, Melhor Vida” 2010 World Expo em Xangai.O edifício é concebido como dois edifícios

que se fundem num só.

Os dois edifícios se encontram em no quarto 1000 do hotel, um edifício para a vida.

O edifício toma a forma do ideograma chinês 人 (“REN”) que significa pessoa.

Um simbólico da mente e do corpo

A inspiração poética, reflete tanto o site

quanto sensibilidade cultural.

Quanto à sua disposição de apresentação
se destaca, pela simplicidade de informação.A objetividade, e a nitidez com que coloca a informação, sem poluição visual.

Simplesmente, claro e objetivo.

Através de uma série de ilustrações simplificadas, em uma linguagem universal,Que é a imagem clara.

O site ilustra o interesse que é mostrar a ligação e a conexão direta que é uma das diretrizes do projeto.

Continuando sua explicação sobre as decisões que o fizeram tomar como partidoA figura ilustra o interesse pelo ortogonal,

Posicionamento de eixo, fazendo
uma conexão lateral.

Através de uma ilustração de verticalidadePosiciona as zonas de interesse
para as melhores vistas para os quartos.
Já posicionando uma pré-idéiaDemonstra o estudo sobre as possibilidades

De se manter os interesses do partido.

Tendo já percebido que através do estudo pode-se preservar os interesses do partidoComeça-se uma explicação sobre a forma.

Que neste caso foi possível, aplicar um simbolismo regional cultural.

Que ajuda muito na aceitação do projeto, se bem explicado, e claro, tendo grande conhecimento sobre o assunto.

“Quem tem imaginação, mas não tem cultura, possui asas, mas não tem pés.”

Joseph Joubert

A partir da idéia explicada,a origem da forma explicada,
e o partido explicado.
segue-se agora uma série de imagens
auto-explicativas, onde tem como
finalidade convencer o cliente e
a demonstração de detalhes.

Em apenas alguns casos ele apresenta as plantas do projeto, somente quando se faz necessário apresentar detalhes requeridos
pelo cliente, pois para verificar
informações técnicas, e medidas
é melhor o uso da planta impressa.

Imagens ilustrativas, e esquemáticas podem ser uma boa solução para quando for de interesse mostrar os ambientes dos pavimentos.

“O ideograma chinês não tenta ser
a imagem de um som ou um signo
escrito que relembre um som,
mas é ainda o desenho de uma coisa.”
Ezra Pound


“A mais nobre paixão humana é aquela que ama a imagem da beleza
em vez da realidade material.
O maior prazer está na contemplação.”

Leonardo da Vinci


Conclusão:Quando se trata de uma apresentação,

Na qual se tem que conquistar pelos olhos
e não pelos números,
a emoção prevalece à razão.

Tente demonstrar a técnica pelo sentimento,

Não só argumente, convença!

E a ordem de apresentação e um trabalho bem organizado, alcançará o resultado desejado.

 

 

TRABALHO DE CONFORTO – 11/09/2009

Olá pessoal,

não esqueçam que amanhã 11/09/2009 é dia de entregar o trabalho de conforto, descrição do trabalho:

  • imagens de 3 tipos de soluções para utilizar a luz natural na iluminação dos ambientes;
  • imagens de 3 tipos de soluções para proteger os ambientes da agreção da luza natural.

Este trabalho é individual, deve ser impresso e com imagens coloridas e todas as edificações devem ser em Cuiabá.

Boa sorte e até mais.

PROVA DE TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II – 17/09/2009

Olá futuros Arquitetos

lembrando a todos os graduandos do 4º semestre noturno ou que fazem dependência que, hoje 10/09/2009 não haverá aula de T.C.II por motivo de viagem do professor Alberto, mas, na próxima aula 17/09/2009 teremos prova da unidade 9.1 – revestimentos de parede e entrega do trabalho sobre Defeitos de Pintura” que deve ser impresso com imagens coloridas, dentro das normas da ABNT conforme site http://www.sendspace.com/file/yort3e .

Caso alguém tenha alguma dúvida procure a sala 207 bloco Dno período noturno

Obrigada pela visita, abraços.

PROVA PROJETO ARQUITETÔNICO II – 30/09/2009

Olá galera,

a prova de P.A II está marcada para 30/09/2009, e a matéria a ser estudada é a seguinte:

- Sustentabilidade;
– Planejamento Arquitetônico;
– Programa Arquitetônico;
– Legislação Urbana de Cuiabá;
– Arquitetos do último trabalho apresentado em sala de aula;
– Escada (matéria da próxima aula 16/09/2009);

Recomendada leitura do livro do Laerte.

Desejo a todos bom estudo e o material das aulas até o presente momento estou enviando pelo e-mail.

Abraços.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.